Demonstração de Fluxo de Caixa de viagens corporativas requer agenciamento

Demonstração de Fluxo de Caixa de viagens corporativas requer agenciamento

Agências de viagens corporativas podem auxiliar na demonstração de fluxo de caixa e projeções financeiras da empresa Seja qual for o tipo de negócio, controlar a entrada e saída dos recursos é essencial para manter a casa em ordem. E quando se trata de viagens corporativas, a prática é ainda mais importante. Afinal, o número de profissionais que se deslocam em nome de suas empresas cresce a cada dia. São reuniões, eventos, visitas a filiais e diversas outras ações que refletem no aumento das viagens a negócios e, consequentemente, no budget investido. E para manter o controle dessas despesas – que incluem passagens aéreas, hotéis, alimentação, transfer executivo, etc. -, é preciso justificá-las ao fim de cada mês. Além disso, é necessário que a demonstração de fluxo de caixa esteja atualizada, com todos os dados de custos e receitas geradas no período indicado. Mas como administrar todos esses pontos e manter uma boa gestão dos recursos, focando na economia e qualidade das viagens?  A expertise e tecnologia utilizada por uma agência de viagens corporativas pode transformar o modo como a sua empresa executa e administra os deslocamentos dos profissionais.  Veja como: O que é demonstração de fluxo de caixa? Também conhecido como DFC, o demonstrativo de fluxo de caixa serve para controlar a entrada e saída de recursos de uma empresa. É um instrumento essencial de gestão financeira que nos apresenta, de forma clara, todas as movimentações realizadas em ciclos específicos. Uma demonstração de fluxo de caixa bem definida deve trazer informações contundentes sobre os fins dos recursos. Isso inclui lançamentos, plano de contas, contas a pagar, contas a receber, relatórios e gráficos detalhados....
O que a agência de viagens corporativas faz com seu investimento?

O que a agência de viagens corporativas faz com seu investimento?

Entenda como a agência de viagens corporativas pode auxiliar na produtividade, redução de custos e de burocracias nas viagens de sua empresa No mundo corporativo, a busca por estratégias e soluções que ampliem os negócios e validem o investimento é algo constante. Por isso, cada processo deve ser pensado e executado minuciosamente, aumentando as chances da empresa em alcançar os seus objetivos. Assim, entre todos os processos, encontra-se a gestão de viagens corporativas. Afinal, este é um item fundamental na otimização de custos e ampliação do retorno de investimento nas viagens realizadas a negócios. Com o aumento na demanda de deslocamento de profissionais nas empresas, seja para reuniões, eventos ou mediação em outra filial, parte dos gestores de viagens, secretárias ou CEOs acabam quebrando a cabeça em busca de soluções. Soluções essas que diminuam os custos com transporte aéreo, hospedagem e outras ações contidas em uma viagem. É por isso que, na maioria das organizações, a agência de viagens corporativas vem ganhando cada vez mais espaço. Isso porque ela busca atuar com propriedade em soluções voltadas ao aumento da produtividade, redução de custos e de burocracias, além de ampliar as possibilidades de negócios. Para entender mais sobre o papel da agência de viagens corporativas nas empresas, a Emporium Travel preparou uma lista com as suas principais soluções. Confira: Redução de custos com negociações Muitos acreditam que a contratação de uma agência de viagens corporativas irá pesar ainda mais no bolso da empresa. Ou que esse tipo de serviço é viável apenas a grandes instituições. Porém, a realidade é outra. Os gastos não serão próximos aos de uma empresa que executa os...
Gestão da informação em viagens: como conciliar operação e valorização

Gestão da informação em viagens: como conciliar operação e valorização

Entenda como a gestão da informação pode contribuir para a economia das viagens corporativas A gestão da informação está ligada diretamente às atividades organizacionais, claro. Afinal, movimenta as informações e as institui da melhor maneira diante dos processos estratégicos e operacionais de uma empresa. Com forte influência na tomada de decisões em inúmeros procedimentos, como por exemplo o planejamento, organização, análise e controle das viagens corporativas, o gerenciamento das informações também pode ser um fator potencial para a economia dos negócios. Hoje contamos com o auxílio de ferramentas tecnológicas e soluções que visam facilitar os processos internos e auxiliar na potencialização das viagens. Assim, os gestores conseguem, por meio da gestão da informação, equilibrar as suas maiores prioridades baseadas nas demandas das empresas. São elas: a operação, a valorização do viajante e a geração de savings. Mas como conciliar todas essas questões através da gestão da informação?! Muitos agentes lidam com o desafio de mapear o perfil de cada viajante corporativo para oferecer soluções e estratégias adequadas a cada um, suprindo suas reais necessidades. Isso porque é preciso cuidado ao inserir todos os profissionais que viajam a negócios na mesma categoria. Ou seja, tratando-os de forma igualitária, pode ser considerado um ato imprudente, já que cada perfil possui necessidades específicas. É preciso estreitar o  relacionamento entre o viajante corporativo e o agente de viagens. Assim, proporcionar as melhores práticas e diminuir os riscos de insatisfações ou imprevistos durante uma viagem corporativa. A gestão da informação atua como um elemento chave para a compreensão das particularidades de cada viajante, assim como a opinião e preferências dos profissionais veteranos nas viagens corporativas, como por exemplo companhias...
Como calcular o ROI de uma viagem corporativa?

Como calcular o ROI de uma viagem corporativa?

O retorno sobre o investimento é uma métrica importante que apresenta a relação entre o lucro e valor investido em uma viagem. Mas como calcular o ROI corretamente?! Com a instabilidade dos valores praticados entre companhias aéreas, os gestores de viagens se desdobram para garantir o melhor retorno sobre o investimento (ROI) às empresas em suas viagens corporativas. Por isso, saber como calcular o ROI de uma viagem, é essencial. Apresentando métricas consistentes que justifiquem o investimento do cliente, assim como o rendimento obtido, é de extrema importância! Ainda mais para que a empresa possa visualizar suas conquistas e o alcance de metas em suas ações. Mas afinal, qual a importância do ROI nas viagens corporativas? Por trás de toda ação e investimento de uma empresa, há sempre objetivos atrelados à expansão dos negócios. E com a viagem corporativa não é diferente! Cada dia mais presente nos planejamentos, as viagens corporativas se tornaram uma ferramenta valiosa para gerenciar equipes de outras filiais. Além de reunir-se com clientes distantes, promover produtos e fechar parcerias. Mas, antes de realizá-las, é preciso convencer a empresa de que esse investimento é, de fato, necessário para alcançar metas. Portanto, é necessário apresentar dados claros e uma perspectiva de retorno em cada viagem. E é exatamente aí que o ROI entra em ação! As métricas do retorno sobre o investimento (ROI) são extraídas a partir de valores inseridos em uma determinada ação. Com esse cálculo, é possível enxergar os lucros ou prejuízos sob o capital investido, auxiliando em decisões futuras. Como calcular o ROI de uma viagem corporativa A fórmula utilizada para a obtenção dessas informações é...
Como comprar passagens com milhas: passo a passo

Como comprar passagens com milhas: passo a passo

Agência ou on-line? Saiba qual a melhor opção na hora de comprar passagens com milhas Já mostramos por aqui como funciona os programas de milhagens, além das vantagens de utilizá-los para adquirir bilhetes. Agora iremos te mostrar como comprar passagens com milhas de uma forma que te trará ainda mais benefícios. Não, não é mágica! O uso das milhas é capaz de reduzir significativamente em custos de viagens de última hora investidos no deslocamento de profissionais. Seja para reuniões, eventos e outros compromissos a negócios. Mas o que muita gente não sabe é que, mesmo com poucas viagens e, consequentemente, poucas milhas acumuladas no cadastro – ou até mesmo quem não possui milhas – é possível usufruir desses benefícios na hora de adquirir as passagens aéreas. Como garantir o melhor preço de passagens aéreas com o uso de milhas? O erro mais comum… Atualmente, encontramos empresas on-line especializadas na compra de passagens com milhas. Elas são conhecidas como OTA’s (Online Travel Agencies, ou Agências de Viagens On-line). Essas plataformas funcionam da seguinte maneira: pessoas que possuem acúmulo de milhas podem disponibilizá-las para venda no valor que desejam. Os que buscam por passagens, mas não possuem milhas, podem avaliar a oferta e adquiri-las para a emissão dos bilhetes aéreos. Contudo, esse procedimento pode não ser a melhor forma de utilizar milhas na compra de  passagens. Afinal, não há uma negociação direta para a obtenção do melhor preço, além da falta de suporte em possíveis contratempos. Assim, todos os benefícios podem ir por água abaixo… Como parar de errar?! Pensando nisso, a  Emporium Travel desenvolveu o Programa de Redução de Custo Corporativo (PRCC). Como sabem, somos uma agência de...